17 Junho 2019
TABACO
TABACO

SECRETARIA DE SAÚDE ORGANIZA EVENTO CONTRA O TABACO FOCANDO NO USO DO NARGUILÉ

20/08/2015 - 13:38

O dia nacional de combate ao fumo acontece neste sábado (29), e Secretaria de Saúde de Cuiabá organiza um evento de conscientização com o tema “O uso de narguilé e a iniciação ao fumo”, na Clínica Odontológica do bairro Jardim Vitória. 

De origem oriental, o narguilé é também conhecido como ‘cachimbo d’água’, ‘shisha’ ou ‘Hookah’. Ele se tornou muito popular entre os jovens e existem casas noturnas e bares na cidade que o alugam. Em seu uso, o tabaco é aquecido e a fumaça gerada passa por um filtro de água antes de ser aspirado pelo fumante, por uma mangueira.

Apesar de muitas pessoas acreditarem que ele faz menos mal que o cigarro, estudos revelam que o uso de naguilé por 20 a 80 minutos corresponde à exposição aos componentes tóxicos de aproximadamente cem cigarros. 

Além disso, seu uso foi associado ao desenvolvimento de câncer de pulmão, doenças respiratórias, coronarianas, doença periodontal e ao baixo peso de crianças ao nascer além de câncer de boca, bexiga, leucemia e doenças infectocontagiosas como herpes, hepatite C e tuberculose.

No evento promovido pela Secretaria, haverá orientação à população sobre os perigos do tabagismo, distribuição de material informativo e realização de exames. De acordo com a Assessoria, este evento faz parte da campanha nacional contra o tabagismo, que tem por objetivo reforçar as iniciativas que levam à sensibilização e mobilização da população para os danos sociais, políticos, econômicos e ambientais causados pelo tabaco.

De acordo com Diurianne França, estomalogista e responsável pela Pesquisa e Educação Continuada, do programa de Saúde Bucal da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), o cigarro causa câncer de boca, língua, laringe, esôfago, estômago, pulmão, bexiga, infarto, acidente vascular cerebral (derrame), gastrite, úlcera, trombose, impotência sexual e outras doenças.

Sobre Vigilância em Saúde

Garantir a saúde por meio da vigilância e monitoramento de impactos, visando melhorar qualidade de vida à população cuiabana.